21/07/2017
ESPORTES
Petecof salta de 9º para 1º, mas é atingido e sai da prova final do Brasileiro de Kart
Lucia Camargo Nunes
Com 33 pilotos, a categoria Sudam Graduados é uma das mais competitivas entre as 19 do evento. Gianluca disputou com o kart 101 (Foto: Divulgação)

Bastaram poucas voltas na grande final do Campeonato Brasileiro de Kart para Gianluca Petecof mostrar seu potencial. Na decisão da categoria Sudam Graduados, no noite de sábado (15), o representante da Academia Shell Racing largou em 9º lugar, após um início difícil na competição. Na largada, Petecof pulou para 4º e seguiu avançando com uma sequência de voltas mais rápidas, até assumir a liderança, com uma bela manobra saindo de 3º para o 1º lugar na volta 11. Faltando menos da metade da prova, ele se encaminhava para conquistar o bicampeonato na mais importante competição nacional, até ser acertado em cheio por um adversário, causando o abandono precoce de ambos.

“Depois de um começo bem difícil, não esperava esse desfecho. Larguei com muita vontade e estava me encaminhando para o bicampeonato, mas daí teve aquele imprevisto e acabou ali. Importante ressaltar que foi um sonho de criança realizado, disputei a final do Brasileiro contra grandes pilotos. Estou satisfeito por mostrar o que estou aprendendo na Europa, onde estamos evoluindo a cada etapa”, afirma Gianluca.

O piloto de Alphaville de 14 anos vem se dedicando às competições europeias e fez sua estreia na categoria Sudam Graduados. Ele teve um início difícil nos treinos livres e na tomada de tempos com o motor, que nesta categoria é fornecido pela organização e sorteado entre os pilotos. Na sexta, ele conseguiu melhorar sua perfomance, e assim, com a soma dos resultados das três baterias classificatórias, garantiu a 9ª posição no grid de largada.
O título da Sudam Graduados ficou com André Nicastro, mas o momento da bandeirada final também foi marcado por forte acidente entre Ollin Galli e Lucas Okada, 2º e 3º colocados,, com Okada voando para fora do kart após contato com seu adversário – mas nada de grave aconteceu ao piloto.
Agora, Gianluca Petecof volta seu foco para a disputa das duas últimas etapas do Campeonato Europeu de Kart da FIA, onde está em franca evolução. Após uma vitória em uma das baterias classificatórias na Itália, o paulista de 14 anos fez duas grandes finais na Espanha e em Le Mans, na França, e agora segue para Finlândia e Suécia, em duas semanas seguidas.