13/04/2017
ECONOMIA
Varanda ganha novos ares
Espaço foi ampliado e família conseguiu área para receber visitas e aproveitar com a família
Thieny Molthini
"Eles estão conseguindo utilizar exatamente o que eles queriam, para eventos e comemorações", conta a arquiteta Simone Mello

Dar vida a uma área pouco utilizada, reviver e dar um novo sentido ao espaço e, ainda por cima, valorizar o imóvel são alguns dos pontos positivos que uma reforma pode garantir. Em um imóvel no residencial Alphaville 12, a arquiteta Simone Mello transformou o quintal em uma grande área social.

O casal, que tem dois filhos pequenos, estava procurando uma casa para mudar ou terreno para construir, mas viram que reformar a área de lazer de onde moravam seria uma escolha melhor e assim poderiam passar a receber pessoas em casa, aproveitando melhor o imóvel. Com um projeto, Simone fez com que um espaço onde estava uma varanda, um gramado e uma piscina ganhasse, não apenas uma churrasqueira gourmet, com espaço para recepção, como também uma pequena edícula, que funciona como brinquedoteca.

Simone ampliou e mudou o nível da varanda, dando mais amplitude ao espaço. Um deck também foi criado. “Eu fiz os degraus saindo da sala, ganhamos no pé-direito da varanda, que ficou quase no mesmo nível da piscina, que deu uma sensação de amplitude”, comenta a arquiteta.
Para aproveitar a lateral do terreno, onde há um jardim vertical, a profissional trabalhou com vidros. “Conseguimos uma sensação de ter a varanda dentro do jardim”, conta a arquiteta.

Outro ponto trabalhado pela arquiteta foi a iluminação. “Ela dá destaque aos ambientes que criamos”, ressalta a profissional. Nesse trabalho foi utilizada, inclusive, uma porta diferenciada para o banho externo, de alumínio com vidro leitoso, que, ao mesmo tempo em que garante privacidade, causa um efeito interessante quando a luz interna está acesa, como se fosse mais um item de decoração do local.

“Os clientes comentaram que não faziam ideia que havia tanto espaço no fundo. Era um espaço grande, mas mal aproveitado, só com jardim. Hoje tem varanda, deck, banheiro, chuveirão, brinquedoteca e, tudo isso, com o jardim, que eles não queriam perder, deixar de ver a grama”, lembra.
A mudança, que levou cerca de 6 meses, já está sendo aproveitada pela família, que agora já recebe convidados. “Eles estão conseguindo utilizar exatamente o que eles queriam, para eventos e comemorações. A casa dele dá o suporte, mas sem a área externa não conseguia aproveitar da melhor forma”, reforça Simone.