10/11/2017
COLUNISTAS
De olho na Seleção
Colunista da Folha de Alphaville

Embora simples amistosos, os jogos de hoje contra o Japão e de terça contra a Inglaterra têm sim muita importância para a Seleção Brasileira. A Copa do Mundo está chegando e qualquer oportunidade para um campo de observação não pode ser desperdiçada.

Em primeiro lugar são ocasiões para intensificar o intercâmbio com outras escolas. Até pela urgência de classificar o time para o Mundial Tite foi obrigado a enfrentar apenas times sulamericanos até agora. Saiu-se muito bem, como todos sabem. Mas agora é hora de medir forças com outros estilos de jogo. O Japão, com muita correria e vigor físico, e a Inglaterra, com toda a evolução tática dos europeus, atendem bem à essas necessidades.

Também é hora de preencher as últimas vagas no grupo de jogadores. Em 90% o elenco está formado. Mas ainda há uma dúvida ou outra a ser dirimida. E também sempre é importante ter alternativas para eventuais problemas de contusão que podem ocorrer nessa reta final. Tite me parece atento a tudo isso. E assim deve ser.

Os três goleiros estão confirmados. Há vagas nas reservas dos laterais Daniel Alves e Marcelo. Um zagueiro também está sendo buscado, para se juntar a Marquinhos, Miranda e Thiago Silva. Falta ainda a definição dos nomes de mais um meia de organização e dois atacantes, um de lado de campo e outro para ser reserva de Gabriel Jesus. E não foge muito disso.

Esses jogos não são apenas importantes durante os 90 minutos. Para tirar as últimas dúvidas o treinador deve observar a postura dos atletas em concentrações e treinamentos. Qualquer detalhe pode ser decisivo, já que todos são jogadores de alto nível. A programação está bem feita. Os adversários bem escolhidos. Só resta agora a equipe ir a campo e confirmar todas as expectativas. Que assim seja.




Jornalista e administrador esportivo. Trabalhou nos principais veículos de comunicação do país, foi gerente de futebol do Grêmio Barueri e secretário de esporte da cidade. Atualmente é âncora e comentarista da Rádio Transamérica.