16/06/2017
COLUNISTAS
Globo: novas normas para duração de novelas
Colunista da Folha de Alphaville

A Teledramaturgia da Globo, sob direção de Silvio de Abreu, tomou uma posição, agora definitiva, no capítulo que parecia eterno sobre a duração das suas novelas. As produções das 6, 7 e 9 da noite terão por volta de 150 a 170 capítulos, variando de acordo com a necessidade de cada história ou desejo do autor. Entre o mínimo e o máximo, será sempre possível operar com esta flexibilidade, entendendo-se até, dadas as especificidades, que nada pode ser tão rígido.

Não bastasse, no meio disso ainda devem ser considerados feriados, datas festivas, eventos esportivos ou até outros imprevistos que sempre acabam exercendo influência na conta.  As superséries das 23 horas terão entre 60 a 80 capítulos e as minisséries, de 10 e 20. Na foto, Tony Ramos e Mônica Iozzi em cena da minissérie Vade Retro, teve 12 episódios. Autores e diretores, informados de tudo, já estão trabalhando com essas novas determinações.




Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. colunaflavioricco@uol.com.br