10/11/2017
CIDADE
Rotary entrega certificado em troca de doação
‘Empresa Cidadã’ chega ao Rotary Barueri-Alphaville
Katherine Cifali
Osvanir de Oliveira, presidente do Rotary Club de Barueri-Alphaville (à esq.) e Ricardo Reis, da RC & Reis. Foto: Victor Silva/Folha de Alphaville

Todas as quintas-feiras à noite, o Rotary Barueri-Alphaville se reúne no Bourbon Alphaville Business Hotel para debater ações de ajuda humanitária, missão do Rotary há 110 anos.

Recentemente, o clube da região construiu e equipou o laboratório de Citogenética e a Oficina de Órteses, da Associação Beneficente Rainha da Paz, em Santana de Parnaíba.

“Gastamos, nesses dois projetos, US$ 64 mil, metade do valor veio de incentivo da Associação Brasileira da The Rotary Foundation e os outros US$ 32 mil vieram de um Rotary Club nos Estados Unidos” explica Osvanir de Oliveira, atual presidente do Rotary Club de Barueri-Alphaville.

Esses e outros projetos ao redor do mundo só são viáveis graças às doações de membros do clube ou parceiros, por intermédio de programas como o Empresa Cidadão. “O Rotary abre essa oportunidade para que as empresas colaborarem com as ações sociais do clube. É necessário doar US$ 1.000 rotários no período de um ano ou 12 parcelas de aproximadamente R$ 300 para receber o título de ‘Empresa Cidadã’.

Além da certificação, recebemos um selo eletrônico e podemos associar o Rotary à nossa marca”, diz Ricardo R.C. Reis, sócio-diretor da RC & Reis, primeira empresa da região a aderir ao programa.

O Rotary Barueri-Alphaville existe há 31 anos mas foi este ano que decidiu abraçar o Empresa Cidadã, um dos tantos programas já existentes do Rotary.

A doação é feita para a ABTRF, e é a própria associação que administra o fundo. A Fundação Rotária no Brasil fica encarregada de distribuir as verbas de acordo com a necessidade de cada clube, sempre destinadas aos projetos humanitários nacionais. As empresas interessadas devem entrar no site da ABTRF (www.abtrf.org.br) e se cadastrar.

Ricardo RC Reis lembra que é preciso ser familiarizado com algum membro do Rotary. “A doação é feita pelo site diretamente para a fundação, mas é preciso indicar um clube rotário para viabilizar o registro de sua empresa”, diz Ricardo, que diz incentivar outros empresários. “Identificamos que através do Rotaty estaríamos depositando investimento em uma entidade séria. Fora que, por meio da certificação, conseguimos atrelar nossa marca a uma associação muito respeitada no mundo”, finaliza ele.