26/10/2017
CIDADE
Parnaíba faz mutirão para vacinar contra febre amarela
Cidade é indicada a imunizar moradores por prevenção
A prefeitura de Santana de Parnaíba espera imunizar 40 mil pessoas até 18 de novembro. Procura por UBS's é grande. Na foto, a de Alphaville. Fotos: Victor Silva/Folha de Alphaville

Algumas cidades na região têm se mobilizado no combate à febre amarela. De acordo com o último boletim epidemiológico, divulgado pelo CVE – Centro de Vigilância Epidemiológica “Prof. Alexandre Vranjac”, de janeiro à primeira quinzena de outubro houve 129 casos suspeitos de febre amarela no estado de São Paulo. Além disso, o país enfrenta o maior número de casos de epizootias, termo usado para definir ocorrências em primatas não humanos.

Em Jundiaí, a cerca de 40 km de Alphaville, 39 macacos com suspeita de febre amarela silvestre morreram. Na cidade próxima, Itatiba, a prefeitura, confirmou o óbito pelo vírus de 13 macacos e de um idoso de 76 anos. Como medida preventiva, as cidades estão com campanhas de vacinação.

Santana de Parnaíba deve imunizar, até o dia 18 de novembro, 40 mil pessoas – somente em 4 dias 25 mil munícipes já foram vacinados. “Parnaíba está tomando uma medida preventiva e protetora a seus munícipes e não apresenta nenhum caso de febre amarela no município, nem silvestre, nem urbana ”, reforça José Carlos Misorelli, secretário de Saúde de Santana de Parnaíba, depois de acatar a solicitação da CVE para realizar a vacinação nos bairros divisa com Cajamar.

No sábado, 28, Parnaíba vai realizar o segundo mutirão contra a Febre Amarela este ano. Os interessados devem comparecer às UBS Colinas, USA São Pedro, USA Fazendinha, UBS Jaguari ou UBS Limério (Cento e Vinte) entre 8h e 17h. “Podem ser vacinados maiores de 9 meses e pessoas que não fazem parte grupo de ‘contra-indicações’, ou seja, não podem ser vacinados: as gestantes ou mulheres em lactação abaixo de 6 meses, os imunodeprimidos ou quem já recebeu ao menos uma dose da vacina no decorrer de toda a vida. Os demais podem receber a dose”, aponta Misorelli.

A UBS Alphaville, na Estrada Municipal Bela Vista, também está realizando a vacinação. Em média, 600 pessoas por dia estão recebendo a dose, segundo a equipe da unidade.

Outra alternativa no bairro é a Vacinville, localizada na av. Copacabana, 112. A clínica particular oferecerá a dose, até seu estoque acabar, por R$ 290.

Até o momento, Barueri não faz parte das cidades solicitadas no combate ao vírus pelo Centro de Vigilância Epidemiológica “Prof. Alexandre Vranjac”, entretanto, o município possui o SAE – Serviço de Atendimento Especializado que faz vacinação contra a febre amarela. Mais informações: 4199-3169.