05/01/2018
CADERNO A
Caderno traz guia para cultura e artes em 2018
Ano será recheado de atrações internacionais
Graziela Costa
Phil Collins faz primeiro show solo no País, onde esteve em 1977 com a banda Genesis


Chico Buarque - Seis anos após o último disco de estúdio, Chico Buarque lançou “Caravanas” no ano passado, com sete canções inéditas e duas também de sua autoria, mas gravadas anteriormente apenas em discos alheios. O novo trabalho integra parte do show do compositor que acontece em vários dias do mês de março, e no dia 1º de abril, no Tom Brasil.

Com direção de José Possi Neto, um dos grandes clássicos da Broadway, “Peter Pan” (4) ganha montagem brasileira que estreia em 8 de março, no Teatro Alfa. Mateus Ribeiro encarna o personagem principal na superprodução.

Depois de rodar o mundo e passar por estados norte-americanos e canadenses, em 2017, a nova turnê de Katy Perry (11) chega ao Brasil. O show no Allianz Parque, em São Paulo, acontece no dia 17 de março. Além dos lançamentos recentes, como Bom Appétit e Swish Swish, que tem a participação de Gretchen no clipe, hits como “I kissed a girl”, “California girls” e “Hot and cold” estão na line-up.

Nos palcos, o cantor Hugo Bonemer (3) dará vida ao maior mito da Fórmula-1, Ayrton Senna, em musical que estreia no dia 16 de março, no Teatro Sérgio Cardoso.

O cantor britânico Phil Collins (5) fará três shows no Brasil em março; em São Paulo, serão dois no Allianz Parque, nos dias 24 e 25. A turnê The Legendary marca seu retorno ao palco nas primeiras apresentações ao vivo em 10 anos e o primeiro de Phil em show solo, já que a última vez que esteve no País, em 1977, ainda integrava a banda Genesis. Sucessos como “One More Night”, “Another Day In Paradise”, “Both Sides Of The Story”, entre outros, são esperados.

O Autódromo de Interlagos é palco mais uma vez do Lollapalooza nos dias 23, 24 e 25 de março. Entre os headliners, Red Hot Chilli Peppers (10), Pearl Jam e The Killers.

De janeiro a abril, o CCBB São Paulo abriga exposição da retrospectiva de 80 obras do artista americano Jean-Michel Basquiat (1), morto em 1988, que iniciou a carreira pintando grafites nos muros e vagões do metrô de Nova York.


De janeiro a abril, o CCBB São Paulo abriga mostra de Jean-Michel Basquiat

Após 20 anos de shows por todo o mundo, a Orquesta Buena Vista Social Club (6) se prepara para dizer ‘Adios’. O show em São Paulo acontecerá no dia 5 de maio, em apresentação no Tom Brasil. O line-up da turnê contará com várias canções que tocaram no álbum e filme original Buena Vista Social Club, de 1997, quando foi criado o grupo integrado por Omara Portuondo, Eliades Ochoa, Guajiro Mirabal e Barbarito Torres, além das novas músicas que celebram a cultura cubana.

Está previsto, também para o dia 5 de maio, no Tuca, a estreia de “A noite de 16 de janeiro”, da russa Ayn Rand. Jô Soares traduziu, dirige e atua na peça, que reproduz um júri popular, com os integrantes escolhidos entre os espectadores do espetáculo.

Com a data confirmar no segundo semestre, o Instituto Tomie Ohtake abriga exposição do holandês Vicent Van Gogh (8), com cinquenta obras de duas significativas fases do artista, a sombria (1880) e a mais alegre e colorida, que compreende os anos de 1887 a 1889.

Laura Pausini fará quatro shows de sua nova turnê no País, dois deles no Citibank Hall, nos dias 20 e 21 de agosto. Além dos sucessos, a cantora italiana fará a divulgação de seu novo álbum, que deve ser lançado ainda este mês.

Roger Waters, ex-baixista do Pink Floyd, fará show em outubro

Para celebrar os 20 anos de seu álbum “Romanza”, o tenor italiano Andrea Bocelli (2) se apresenta no Brasil, com shows no Allianz Parque, em São Paulo, nos dias 29 e 30 de setembro.

Roger Waters (9), ex-baixista do Pink Floyd, fará shows pela América do Sul e desembarca em São Paulo em 9 de outubro, no Allianz Parque, e deve incluir na apresentação sucessos da carreira e músicas de seu disco mais recente, “Is This the life we really want?”.

A partir de novembro, o MIS abre as portas para celebrar os 80 anos da aparição de Superman (7) nos quadrinhos. A mostra terá artes originais, revistas e itens raros para contar a história das HQs no Brasil e ao redor do mundo. O evento terá curadoria de Ivan Costa, cofundador da Chiaroscuro Studios e sócio da CCXP - Comic Con Experience, um dos maiores eventos.