19/04/2017
CADERNO A
Yoko Ono: exposição vai até 28 de maio
Mostra ‘O Céu Ainda é Azul, Você Sabe’ é um convite para interagir com as obras
Lucia Camargo Nunes
Uma mesa na mostra é exatamente como esta em que Yoko posa com John Lennon: 'Jogue na Confiança' (1966) só possui pedras brancas. 'Para jogar enquanto você lembra onde todas as suas peças estão', sugere a artista

Para alguns ela foi a responsável pela separação dos Beatles. Para outros, ela é apenas a viúva de John Lennon. Mas Yoko Ono, de 84 anos, é uma artista reconhecida mundialmente. Suas podem ser vistas na mostra O Céu Ainda É Azul, Você Sabe... até 28/5, no Instituto Tomie Ohtake (SP).

Experimental e vanguardista, a arte conceitual de Yoko desfila pela fase de performance e happenings. Ela derrubou o limite do conceito de arte e objeto de arte e foi uma das pioneiras a colocar o visitante de suas mostras no processo criativo, convidando-o a desempenhar um papel ativo em sua obra.


Escrever memórias à mãe em post it está entre as 65 obras exibidas

Isso é um dos pontos altos da exposição. O público faz parte de sua obra. De escrever uma mensagem à mãe em post it ou martelar pregos, boa parte da mostra, de 65 peças desde 1955, instiga o visitante.

Em Arvore dos Pedidos para o Mundo (2016), ela sugere: “Faça um pedido e peça à arvore que envie seus pedidos a todas as árvores do mundo.”


Colocar pedidos em árvore também está na exposição

Em Mapa Imagine a Paz (2003), “peça o carimbo e cubra o mundo de paz”. Inevitavelmente, a Síria é um dos pontos mais carimbados. Em Peça de Limpar (1996), a artista convida o espectador a empilhar pedras que representam tristezas e felicidades. E numa caótica mesa, louças quebradas fazem parte do Peça Remendo (1966): o visitante junta pedaços de xícaras e pratos, que depois vão para uma prateleira. “Esta proposta é para que as pessoas consertem e, por meio desse ato de consertar, também consertem o Universo.”

Telefone que ela pode ligar a qualquer momento

Ingressos: R$ 12 e às terças a entrada é gratuita.

Site: www.institutotomieohtake.org.br